quarta-feira, janeiro 30, 2013

A primeira vez



Ás sete horas da manhã, a garota retirou as botas encharcadas de lama na porta de casa, com muito cuidado para não acordar os pais as largou em algum canto e entrou com as meias encardidas nas pontas dos pés. Agora que o sangue esfriara, todo o corpo reclamava da noite passada.

A água quente do chuveiro caiu como uma manta sobre seu corpo relaxando seus músculos e levando embora consigo toda a sujeira de lama e grama. Apesar de todo o cansaço físico  sua mente ainda estava a milhão, lembrando e relembrando cada momento das últimas 12 horas.

Tinha sido sua primeira vez, não era nada daquilo que as pessoas falavam, era sem sombra de dúvidas algo muito melhor, e tinha sido com a pessoa que ela amava, então ela não poderia se considerar mais sortuda. Havia sido desajeitado no começo, tinha passado semanas a fio planejando cada movimento e no final foi mesmo de qualquer jeito, e foi bom.

Deitada na cama, com os pés latejando, ainda sentia um arrepio na pele, era como se uma vez que tivesse provado nunca mais poderia viver sem, nunca tinha se sentido tão jovem, nunca havia contemplado um nascer de sol tão mágico. Tinha voltado pra casa de carona numa bike, também nunca tinha feito algo tão irresponsável e divertido.

Enfiou a cabeça dentro das cobertas, os primeiros raios de sol já invadiam o quarto, satisfeita involuntariamente um sorriso apareceu no seu rosto: Tinha vivido o melhor dia da sua vida.

3 comentários:

  1. Ei, fico feliz que tenha voltado com o sorvetedepessego, ♥

    ResponderExcluir
  2. *-* também fico feliz.
    textos novos toda semana ein,
    volta pra ler :D

    ResponderExcluir

Hey, quer sorvete de quê?